Espinhas: o monstro da adolescência

 As espinhas são um grande problema na adolescência. Elas causam muitas vezes vergonha e desconforto. O único consolo é que sempre vai ter um amigo seu que também irá sofrer disso.
Mas você já se perguntou por que se tem espinhas e como se cura? Esse texto o irá ajudar a descobrir.

   As espinhas aparecem em nossa puberdade quando os hormônios sofrem um aumento significativo. O hormônio masculino testosterona e o feminino estrógeno nesta época vão exercer um efeito inflamatório sobre as glândulas sebáceas. Não se sabe o porquê existe esse e efeito, assim causando as chatas espinhas, que nada mais são que glândulas sebáceas inflamadas.
Com o decorrer do tempo e o aumento da idade, essas glândulas sofrem um dessensibilização, ou seja, o hormônio não mais exerce os efeitos inflamatórios com a mesma intensidade sobre os seus receptores nas glândulas.
Assim elas desaparecem naturalmente, decorrente da dessensibilização.
Haja paciência..Parece que não acaba nunca…..

 1: Como cuidar

   Todo mundo pode cuidar da limpeza do rosto de maneira simples e que ajuda muito. Mesmo quem tem o rosto lisinho pode aderir a esses cuidados para prevenir. Use um sabonete neutro três vezes ao dia (manhã, tarde e noite). Se você tiver uma pele muito oleosa, lave o rosto com sabonetes à base de enxofre (encontrado em qualquer supermercado).

   “Uma vez por semana, use um sabonete cremoso com sílica ou polietileno. É a famosa esfoliação. Se você já tem acne, use mais de uma vez por semana”, completa o dermatologista Valcinir Bedin. Segundo ele, a loção de limpeza ou loção tônica é uma maneira mais tecnológica de fazer uma limpeza profunda.

   Os dermatologistas classificam a acne em quatro graus:
Grau 1: pele oleosa com cravinhos;
Grau 2: pele com cravos e espinhas;
Grau 3: pele com cravos, espinhas, nódulos e cistos;
Grau4: pele com cravos, espinhas, nódulos, cistos e cicatrizes.

   Os graus 3 e 4 necessitam acompanhamento médico e geralmente são indicados medicamentos via oral. O mais conhecido, que é a base de isotretinoína, é muito forte e é preciso fazer vários exames antes de ser prescrito.

 2: Dica:

  Quando a acne estiver muito “irritada”, prepare um chá de camomila (sem açúcar) e faça uma compressa. “A camomila funciona como calmante”, afirma Bedin. Cuidado com os medicamentos que são cáusticos. Como o próprio nome já diz, eles são feitos à base de soda cáustica e ressecam demais a pele.

3: O que não fazer

a. Não cutuque, não coce e não esprema. Você pode ficar com marcas e cicatrizes;

b. Não aplique substâncias estranhas (pasta de dente, pó de café). Pode até piorar a situação. Imagina se acontece uma reação alérgica?

c. Não usar medicamentos prescritos por algum amigo. O médico indicou para o amigo e não para você;

d. Não faça máscaras domésticas. “Banana batida com aveia ou abacate com não sei o que  é para comer!”, afirma o dermatologista Valcinir Bedin;

e. Evite o sol. É uma faca de dois gumes. Logo no começo, dá a impressão que melhora a pele e seca as espinhas. Depois, o sol estimula as glândulas sebáceas;

f. Não lave a pele em excesso. Não use bucha, escova. Você vai estimular ainda mais a produção de sebo;

g. Evite cremes gordurosos, pois aumentam a oleosidade da pele, contribuindo para piorar o quadro. Dê preferência a cremes em forma de gel.

  Espero que você tire suas dúvidas e espero que as dicas sejam de proveito.

  Fontes:www.bhservico.com.br/espinhasecravos.htm e lauragamesteens.blogspot.com/2010/03/por-que-temos-espinhas.html

Por: Eduardo Blumberg
Turma:712