Ultilidades do Facebook


Postado por  Gabriela da Rosa.

Anúncios

Gatos na guerra!

 

Guerras, um lugar de extrema violência, com homens fortes  e  abatidos, quem diria que encontraremos criaturas fofas e meigas entre eles, os tão queridos felinos.

Conta a história que eles eram sagrados no Egito, passível de pena de morte caso matasse um gato. Tem inclusive uma lenda dos Persas tentando invadir o Egito onde cada soldado persa carregava um gato. Ou seja, nenhum soldado egípcio conseguiu atacar o inimigo que avançava em campo de batalha.

Na guerra os gatos eram usados como instrumento fofo, evidentemente, mas também para avisar sobre ataques com gás, inclusive com submarinos levando gatos para que eles pudessem ajudar a manter uma boa qualidade do ar.

Veja as imagens assegui de uma guerra Francesa:

Este slideshow necessita de JavaScript.

imagens retiradas do site http://www.chongas.com.br/.

Postado por: Gabriela da Rosa

 

Pai, meu herói

Pai, palavra pequena, mas de um valor inquestionável,
meu grande herói, homem de muita garra, não comparada
a qualquer guerreiro, mas sim a um pai vencedor.

Pai, você é parte do grande mistério que envolve a vida
você da vida a um novo ser, auxiliando a Deus no Seu
grande propósito.

É muito difícil falar de você. Talvez, tudo o que eu disser,
seja pouco, diante do muito que você merece ouvir.

Como é linda a palavra -Papai-
Todas as letras deste nome, representam um pouco
da sua grandiosidade.

Paizão, amparo, proteção incomparável.
Meus pensamentos lhe buscam a todo instante,
pedindo sempre a orientação guardada na memória
que você transmite com sua grande sabedoria,
desde que me ensinou os primeiros passos, no caminhar
para uma vida honesta.

Neste dia, reservado especialmente á você,
quero pedir a Deus que proteja seus passos,
lhe cobrindo de inúmeras bençãos, ascendendo
cada vez mais a chama do amor existente
no seu coração de pai.

Parabéns pelo seu dia, meu grande herói
Te amo, pai.

Por: Gabriela da Rosa

A Moda dos Memes

Você sabe o que é um “meme” ? Com certeza você já se deparou com algun nas redes sociais…

Meme é qualquer coisa que pode se tornar uma piada na rede: citações, desenhos, fotos ou vídeos. Claro, desde que se torne um viral e se espalhe pela Internet.

Segundo a Wikipédia, este termo é sinônimo de “fenômeno da Internet”, ou seja, é tudo o que faz sucesso e se propaga rapidamente na rede. Exemplo recente disso é o garoto Jefferson, que soltou a voz ao cantar “Para a nossa alegria” e teve mais de 8 milhões de views.

Dos que fizeram sucesso até hoje, pode-se entender que o termo tem a ver com brincadeiras e piadas em citações, desenhos, fotos ou vídeos que se propagam com uma grande velocidade na rede e ganham o gosto popular.

É provável que o primeiro meme tenha sido criado, em 1998, por Joshua Schachter, de 24 anos, no serviço Memepool. Nele, os usuários postavam na Internet links interessantes.

No evento Contagious Media, em 2000, a palavra meme foi utilizada pela primeira vez. O objetivo foi traduzir em uma expressão uma mensagem que rapidamente é difundida e ganha novas versões de acordo com o contexto. Depois disso, a palavra meme caiu no gosto das pessoas.

Outra explicação possível, destacada pelo escritor Richard Dawkins no livro “O Gene Egoísta”, de 1976, se refere a “uma unidade de evolução cultural”, que espalha a mensagem de uma pessoa para outra. A partir disso, podemos interpretar que toda a informação com aspecto cultural propagado entre indivíduos é considerado um meme.

Trollface

Quem nunca viu ou compartilhou os memes Forever Alone, Troll Face e Me Gusta nas redes sociais? Eles contam histórias que lembram muitas situações cotidianas.

Algumas dessas informações foram retiradas de: http://www.techtudo.com.br/artigos/noticia/2012/04/o-que-e-meme.html

Postado por: Gabriela da Rosa

Personagens marcantes e seus criadores

 Há personagens que marcam nossa vida desde a infancia. Muitas fascinam o público por terem super poderes, outros por serem divertidos, e há ainda aqueles que são verdadeiros ídolos. Os personagens a seguir são admirados não só pelas crianças, mas pelo público jovem e, por incrível que pareça, pelos adultos.

Veja alguns dos grandes gênios ao lado de suas criações da ficção:

#1. Jim Davis criador do Garfield

 

 

 

 

 

 

 

#2. Elzie Crisler Segar criador do Popeye

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

#3. William Hanna e Joseph Barbera criadores do Tom & Jerry

 

 

 

 

 

 

 

 

 

#4. Seth MacFarlane criador do Family Guy

 

 

 

 

 

 

 

#5. Stan Lee criador do  Homem-Aranha

 

 

 

 

 

 

 

 

 

#6. Peyo criador dos Os Smurfs

 

 

 

 

 

#7. George Lucas criador do Star Wars

 

 

 

 

 

 

 

 

 

#8. Bob Kane criador do Batman

 

 

 

 

 

 

 

#9. Jim Henson  criador dos Os Muppets

 

 

 

 

 

 

 

 

 

#10. Matt Groening criador dos Os Simpsons

#Postado Por:  Gabriela da Rosa

Playstation. Descubra mais sobre o videogame mais vendido no mundo

Entre os jovens, não há quem nunca tenha ouvido falar no Play 2. É muito popular, permitindo a execução de jogos de diversas modalidades.

O que é PlayStation

PlayStation OnePlayStation é um console de vídeo game fabricado pela empresa Sony.

Foi lançado em 3 de dezembro de 1994 no Japão, e em 9 de setembro de 1995, foi lançado nos Estados Unidos.

Desde o seu lançamento até 2006 (quando sua produção foi extinta), o PlayStation one vendeu mais de 100 milhões de unidades, superado pelo seu sucessor, o PlayStation 2, com 145 milhões de unidades comercializadas. Atualmente o PlayStation está na versão 3 – PS3

A origem
A origem da PlayStation remonta a 1990, quando a Nintendo planejava uma expansão de CD-ROM para o Super Nintendo. A Sony que desenvolveu o chip de som do SNES, foi Logo do PlayStationescolhida para desenvolver a expansão. O projeto não saiu do protótipo.
Após vários desentendimentos entre as duas empresas a Nintendo cancelou o projeto e fez outra parceria com a Philips.
O “Play Station X” já se encontrava em avançado estágio desenvolvimento e a Sony decidiu lançá-lo no mercado como um console de videogames independente. No final de 1994 chegava ao mercado japonês o PlayStation, e um ano depois, era lançado nos Estados Unidos.

Já no lançamento a recepção foi muito positiva. O PlayStation apostava nos jogos 3D que naquela época ainda engatinhavam. O console tinha uma GPU (processador gráfico) avançadíssimo capaz de fazer efeitos só disponíveis em computadores e outros consoles anos depois.

Os Jogos
Vários jogos contribuíram para o sucesso do console, como  Resident Evil, Crash Bandicoot, Tomb Raider, Medal of Honor, Tekken, Gran Turismo, Final Fantasy, Winning Eleven entre outros. O console recebeu massivo apoio da EA e sua linha esportiva EA Sports.

capa do game Resident Evil     Capa do jogo CRASH     Capa do game TOMB RAIDER

O memory card
A Sony também introduziu um acessório para o PlayStation que se tornou muito popular: o memory card. O memory card (ou simplesmente cartão de memória) permitia salvar dados dos jogos e continuar o jogo no mesmo ponto em que parou. Esta tecnologia já existia em alguns jogos Cartão de memória - memory cardde consoles mais antigos, mas dependia de um chip de memória dentro do cartucho. Os memory cards tornaram o processo de salvar padrão e praticamente todos os jogos tinham suporte.
Mesmo com a chegada de concorrentes mais poderosos como Nintendo 64, Sega Saturn e o Sega Dreamcast, o PlayStation era o mais vendido com uma linha de jogos já estabelecida e de grandes sucesso.

Em meados de 2000, o PlayStation passou por uma re-estilização ficando menor com curvas arredondadas. Esse console recebeu o nome de PSone, agora na cor branca. Nesse ano também foi lançado o seu sucessor o PlayStation 2.
O PlayStation foi sendo abandonado aos poucos e teve sua produção encerrada em 2006. Cerca de 100 milhões de consoles PlayStation foram vendidos em todo mundo.


O joystick
O joystick do PlayStation tem o design inspirado no SNES. DualShock, com duas mini-alavancas analógicas além de um sistema de rumble onde o controle treme em resposta aos jogos.O gamepad acrescentava mais dois botões aos superiores L e R, ficando assim L1/L2 R1/R2.
Em 1996 a Sony lançou um novo joystick que viria a se tornar padrão: o DualShock, que introduzia duas mini-alavancas analógicas além de um sistema de rumble onde o controle treme em resposta aos jogos. Com o controle de movimentos nos analógicos, o direcional digital ficaram abertos para exercer mais funções nos jogos.

O Playstation 2 foi o primeiro videogame da nova geração possuir um processador de 128 bits

Console PlayStation3 Slim Series 120Gb Pack + 02 Controles DualShock3

O Playstation II foi o primeiro videogame da nova geração a possuir um processador de 128 bits
Console PlayStation3 Slim Series 120Gb Pack + 02 Controles DualShock3

TOP 10 DOS MELHORES JOGOS:

1º Metal Gear solid 3: Snake Eater Subsistence (Konami)

 2º Shadow of the Colossus (Sony)

 3º Ico (Sony)

 4º Ryu ga Gotoku / Yakuza (Sega)

5º Shin Megami Tensei Persona 3 (Atlus)

 6º Kingdom Hearts II (Square Enix)

 7º Final Fantasy X (Squaresoft)
 
 8º Dragon Quest VIII (Level 5)  
 
9º Silent Hill 4 The Room (Konami)  

10º Soul Calibur 3 (Namco)

MAS GOSTARIA DE FAZER O MEU TOP 10,DOS JOGOS QUE MAIS GOSTO:

1°-Fifa 11

2°Pes(Pro Evolution Soccer)11

3°Bully

4°Medal of Honor-Vanguard

5°F1 2010

6°WWE 11

7°NBA 11

8°GTA San Andreas

9°UFC Sem Limites

10°Gran Turismo 5

Está aí minha lista, tem jogos MUITO violentos e se, você tem menos 14 anos não aconselho vocês a jogar.Obrigado


POR:LEONARDO MULLER-712

Raças de Gatos

Existem atualmente mais de 200 raças de gatos, distintas entre si pelo tamanho, tipo, cor de pelagem, temperamento, entre outras características.

Veja um pouco mais sobre algumas dessas raças:

Abissínio:

Os gatos abissínios possuem origem indiana. Caracterizam-se pelo comportamento retraído e discreto, com miados baixos. O corpo é esguio e musculoso, o que lhes confere agilidade. Com isso, tornam-se felinos ativos, que precisam de muita atividade física. Costumam interagir com outros gatos, mesmo que pertençam a raças diferentes.

Cornish Rex:

O Cornish Rex é um gato de pelo curto e ligeiramente cacheado, originário da Inglaterra. Possui um aspecto rústico e é considerado um excelente animal de estimação, uma vez que convive muito bem com os humanos, mesmo no caso da presença constante de estranhos. É um animal de fácil tratamento, não exigindo cuidados muito complexos.

LaPern:

O gato LaPerm foi registrado em 1982, nos Estados Unidos. Trata-se de um felino de pelagem longa e cacheada, com espirais lembrando um saca-rolhas. Apresenta comportamento bastante interativo. É um gato muito procurado por pessoas que gostam de animais que se adaptem aos costumes do lar. Sua personalidade marcante faz com que o LaPerm desenvolva uma forte ligação afetiva com os donos e esteja sempre pronto para brincadeiras, até mesmo com estranhos.Pode pesar até 20 kg.

Gato Siamês:

Acredita-se que a origem exata da raça seja o Sudoeste Asiático, mais especificamente o Sião (atual Tailândia), onde eram tidos como o gato de realeza e mantidos em templos sagrados. São conhecidos naquele país, onde são uma de várias raças nativas, como Wichien-Maat ou Maas ( “Diamante-Lua”). De lá foram levados para a Inglaterra, em 1884, de onde se espalharam para outras partes do mundo.

Por: Gabriela da Rosa

Gatos: A Origem

O gato, também conhecido como gato caseiro, gato urbano ou gato doméstico, é um animal da família dos felídeos, muito popular como animal de estimação. Ocupando o topo da cadeia alimentar, é um predador natural de diversos animais, como roedores, pássaros, lagartixas e alguns insetos.

A primeira associação com os humanos e tem notícia ocorreu há cerca de 9.500 anos, mas a domesticação dessa espécie oriunda do continente africano é muito mais antiga. Seu mais primitivo ancestral conhecido é o Miaces, mamífero que viveu há cerca de 40 milhões de anos, no final do período Paleoceano, e que possuía o hábito de caminhar sobre os galhos das árvores. A evolução do gato deu origem ao Dinictis, espécie que já apresentava a maior parte das características presentes nos felinos atuais. A sub-família Felinae, que agrupa os gatos domésticos, surgiu há cerca de 12 milhões de anos, expandindo-se a partir da África subsaariana até alcançar as terras do atual Egito.

Existem cerca de 250 raças de gato doméstico, cujo peso variável classifica a espécie como animal doméstico de pequeno a médio porte. Assim como cães com estas dimensões, vive entre quinze e vinte anos. De personalidade independente, tornou-se um animal de companhia em diversos lares ao redor do mundo, para pessoas dos mais variados estilos de vida.

Por: Gabriela da Rosa

A Saga Super Mário

Para quem não sabe, Super Mário é um dos personagens fictícios mais conhecido do mundo, e é o ícone da Nintendo, uma grande empresa de jogos e video-games.

Mário foi um dos primeiros jogos da nintendo, e se tornou um sucesso desde sua criação.

Mário é retratado como um encanador baixo, que vive vo reino dos cogumelos (Mushroom Kingdom). Ele tem a missão de salvar a Princesa Peach, capiturado pelo seu inimigo Bowser, que é uma tartaruga dragão, (esquisito, não acha). Mário também tem outros inimigos em outros jogos  como Wario, (que é muito parecido com o Mário, são considerados primos) e como Donkey Kong (um gorila). Desde 1995’é dublado por Charles Martinet.

No ano de 1983, o Mário ganhou um irmão: Luige. De início Luige parecia um mero clone de Mário, tendo a mesma aparência, mas com cores diferentes. Com o tempo, foi ganhando personalidade própria, pois se tornou mais magro e alto.  Apesar de ter um coração bom como o de Mário, Luige é tímido e um pouco covarde, principalmente na presença de fantasmas e tarefas aparentemente impossíveis. Mas, se seu irmão  estiver em uma situação de risco, demonstra determinação e coragem, a ponto de enfrentar todos os desafios.

Yoshy, um dragão antropomórfico apareceu a primeira vez em “Super Mário World”. Ele serviu como montaria para Mário e Luige, o objetivo de engolir os inimigos e aumentar as habilidades dos irmãos.

Mário foi um jogo que marcou a infância e adolescência de muitas pessoas.

Resumindo, Super Mário é um jogo muito complexo, que melhora de ano em ano. Para concluir: “Quem nunca jogou Super-Mário que atire o primeiro joystick”.


 

Por Eduardo Blumberg

Amo gatos, mesmo que…

O gatos são animais “adoráveis”, eles são muitos fofos e também são LINDOS!!! Para os que adoram gatos, a mensagem a seguir   fala um pouco sobre a relação que temos com nossos felinos de estimação.

Este slideshow necessita de JavaScript.

“Amo gatos mesmo que…
Sejam ciumentos, mordam, arranhem, miem muito, durmam 16 horas por dia e durante a noite façam uma bagunça danada, pulem da janela para minha cabeça e vice-versa.
Amo gatos mesmo que…
Toda a roupa da casa fique cheia de pelos, que entrem nos armários, deitem nas roupas limpas, entrem nas gavetas e subam nos armários da cozinha.
Amo gatos mesmo que…
Tenha que limpar as caixas de areia várias vezes ao dia e tenha que limpar vômitos ocasionais.
Amo gatos mesmo que…
Quebrem meu enfeites da estante, mastiguem meus livros, joguem o telefone no chão, porta-retratos e tudo o mais que sirva de brinquedo.
Amo gatos mesmo que…
Sapateiem em meus papéis enquanto estudo, mastigem as fivelas das minhas sandálias e alças de bolsas.
Amo gatos mesmo que…
Piquem o rolo de papel higiênico no banheiro, façam escalada nas cortinas da sala.
Amo gatos mesmo que…
Não tenha sobrado nem árvore nem enfeites para o próximo natal.
Amo gatos mesmo que…
Não conseguindo varrer a casa sem ter pelo menos meia dúzia atacando a vassoura e o restante brincando com o lixo.
Amo gatos mesmo que…
Meu sofá esteja em frangalhos, pois virou arranhador.
Amo gatos mesmo que…
Quando estou tentando escrever esse texto ele não pare de miar pedindo atenção e querer passear em cima do teclado só para eu olhar para ele.
Amo gatos por serem lindos, elegantes, superiores, amorosos, independentes, sublimes, companheiros, divertidos, brincalhões, dorminhocos, etc, etc, etc…
Amo gatos por serem gatos.”

TEXTO DA GATÓFILA LUCILA AVON

POR: GABRIELA