Homenagem do 11 de setembro nos EUA

O presidente norte-americano, Barack Obama e o seu antecessor, George W. Bush, deixaram de lado as disputas políticas e participaram juntos, neste domingo (11), das homenagens às 2.983 pessoas que morreram nos atentados terroristas de 11 de setembro de 2001. No aniversário de dez anos do maior ataque já realizado contra os Estados Unidos, Nova York realizou uma cerimônia para relembrar a data e as vítimas do terrorismo.

A cerimônia começou às 8h35 no horário local (9h35 de Brasília). Foi a primeira vez que este tipo de homenagem ocorreu no ‘Marco Zero’, local onde ficavam as torres gêmeas e, agora, foi construído um memorial às vítimas do 11/9 que abrirá para o público em geral (neste domingo, apenas familiares tiveram acesso).

As homenagens marcaram ainda os momentos dos choques dos outros três aviões e a queda de cada uma das torres. Às 10h28 (locais), foi feito o sexto e último momento de silêncio, marcando o desabamento do prédio norte do WTC.

Ao longo da cerimônia, apresentações musicais intercalaram o silêncio e a leitura de nomes de vítimas. O violoncelista Yo-Yo Ma foi o primeiro a se apresentar. Em seguida, James Taylor e Paul Simon cantaram.

Barack Obama também realizou um discurso na noite de domingo para homenagear as vítimas dos ataques terroristas do 11 de setembro de 2001. “Nada pode quebrar a vontade dos americanos quando estão unidos, nem mesmo o terrorismo”, afirmou Obama no Kennedy Center, em Washington.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s