Homossexuais têm 20 vezes mais risco de contrair o vírus da Aids, diz OMS

A Organização Mundial de Saúde (OMS) divulgou na terça-feira pela primeira vez as “diretrizes mundiais” destinadas a ampliar o acesso dos homossexuais aos tratamentos contra a Aids. Essas diretrizes incentivam os países a facilitar a prevenção e o acesso dos homossexuais aos tratamentos e a tomar medidas que evitem a exclusão que essa parcela da população sofre em 75 países do mundo, a maioria na África, onde o homossexualismo é perseguido.

O diretor do Departamento HIV/Aids da OMS, Gottfried Hirnschall, constatou em uma entrevista coletiva que os homossexuais têm 20 vezes mais risco de contrair o vírus HIV que o restante da população e os transexuais têm uma taxa de infecção que varia entre 8 e 68%, de acordo com o país.

— Se não dermos atenção a esta população-chave da epidemia, nunca conseguiremos erradicá-la — disse Hirnschall.

O diretor criticou também “a perseguição, a exclusão, a discriminação e outras formas de violência” sofridas pelos gays em vários países, o que faz com que “frequentemente (os doentes) tenham acesso tardio aos serviços de saúde ou não têm acesso algum

FONTE: http://www.zerohora.com

POR:LEONARDO MULLER-712

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s