Saiba mais sobre Big Brother Brasil!!!

Com todos os exageros, defeitos e polêmicas que rondaram sua trajetória no “BBB 11”, Maria faturou o prêmio de R$ 1,5 milhão ao vencer o programa com 43% do total de votos. Após ser humilhada e renegada por Mau Mau, a sister foi acolhida não só por Wesley, mas pelo público brasileiro, que tanto quis dar colo aquela menina.

O relacionamento com o Wesley tem tudo para ultrapassar os muros da casa e seguir firme e forte longe das câmeras e do olhar atento do público.

Vice-campeão do “BBB11”, Wesley afirmou que só conheceu Maria no momento em que entrou na casa e que sentiu uma forte atração física pela jovem. Ao ser questionado se teria se apaixonado pela atriz, o brother não soube explicar qual sentimento nutre pela paulista.

Terceiro lugar no programa, Daniel foi uma atração à parte. O pernambucano fez aquelas festas divertidas que acabou ficando em terceiro.

Entretanto, essa edição teve o pior ibope da história do programa no Brasil. Segundo a prévia do Ibope, a final do “Big Brother Brasil 11″ foi a de menor audiência de todas as edições do reality show. Durante o período em que esteve no ar, a atração marcou 29,6 pontos, com picos de 34. São 10 pontos a menos que o “BBB 10″.

Felizmente isso parece mostrar que povo brasileiro tem sido mais seletivo e tem optado por outros programas. Mesmo com as mudanças feitas, o programa continua o mesmo: mostra corpos sarados, cérebros atrofiados e valores de exposição e privacidade totalmente deturpados. Além disso, cria uma porção de subcelebridades que tentam aparecer a qualquer preço.

Confira as audiências de todas as finais até hoje:

“BBB 1” – 59 pontos

“BBB 2” – 45 pontos

“BBB 3” – 55 pontos

“BBB 4” – 56 pontos

“BBB 5″ – 57 pontos

“BBB 6” – 51 pontos

“BBB 7” – 48 pontos

“BBB 8” – 46 pontos

“BBB 9″ – 41 pontos

“BBB 10″ – 40 pontos

“BBB 11″ – 29,6 pontos

COMO SURGIU O BIG BROTHER BRASIL?

Surgiu na Holanda uma ideia que virou febre mundial. No dia 16 de setembro de 1999, para explorar a curisidade de seus telespectadores, o canal holandês Veronica lançou o primeiro programa de TV da série Big Brother, na qual pessoas comuns eram vigiadas por câmeras 24 horas por dia. Logo no ano seguinte, o fenômeno se espalhou por outros 19 países, como Alemanha, Espanha, Estados Unidos, Inglaterra, Portugal, Suíça, Suécia e Bélgica. Em todos eles, o programa virou sinônimo de sucesso e audiência. Seus participantes e vencedores tornaram-se celebridades da noite para o dia e faturaram enormes fortunas em prêmios.

A partir do começo de 2002, a febre mundial se confirmou por aqui, fazendo com que milhões de brasileiros acompanhassem diariamente o cotidiano da primeira leva de confinados. Os participantes são escolhidos pela produção do programa, mas podem escolher se querem ou não entrar na casa e têm o direito de desistir no meio do programa. No Brasil, o programa, além das transmissões diárias na Rede Globo, é exibido em pay-per-view no canal por assinatura.

Vale destacar que a origem do termo que dá nome ao programa está relacionado ao livro de George Orwell, 1984, publicado em 1949, que retrata uma sociedade dominada e vigiada pelo Grande Irmão (Big Brother). Todos vivem cercados por câmeras que monitoram o comportamento e as reações das pessoas. Quem se mostra insatisfeito, é literalmente eliminado.

Por:Victória Müller Stegues

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s