Lendas!!!

A mulher da boca rasgada!!!

Conta a lenda que uma mulher trajada com roupas vermelhas como sangue e usando uma máscara ( semelhantes aquelas que as pessoas usavam quando a gripe suína estava em alta) aparece na rua bem no horário em que as crianças estão voltando da escola, simplesmente as aborda e pergunta ” Sou bonita?”  Se a criança responde que sim ela tira a máscara e pergunta “mesmo assim?”,  revelando sua boca deformada, rasgada de orelha a orelha. Se a criança diz que não ela mata a criança, esfaqueando-a (ou dependendo a região ela usa uma foice para rasgar a boca de sua vítima). Na Coreia conta-se que três moças batem a porta em uma noite de tempestade de neve e perguntam “qual de nos três é mais bonita?” se a pessoa escolhe uma é morta pelas outras duas. Todas as três tem bocas rasgadas.

O roubo dos rins!!!

Uma das lendas mais assustadoras foi uma das que se espalhou mais rápido como uma praga pela internet. Foi quando um e-mail foi espalhado pela internet alertando sobre o mais novo crime que havia acontecido em uma cidade. As vítimas no começo do crime eram turistas ou pessoas viajando a negócios.

Em algum bar, um estranho sedutor ou uma linda sedutara puxava conversa, convidava o viajante a ir para um lugar mais tranquilo e ferecia um drink. Em pouco tempo a pessoa ficava zonza e desmaiava. Acordava horas depois dentro de uma banheira cheia de gelo.

Ao lado da banheira, um bilhete e um telefone: “ligue para o serviço de emergência imediatamente”Apavorada a pessoa via uma grande incisão nas costas. Seu rim tinha sido retirado cirurgica mente para ser vendido no mercado negro de orgão.

O pânico tinha chegado a tal ponto, que os órgãos de saúde dos Estados Unidos fizeram uma campanha pedindo para que as vítimas do tenebroso golpe fizessem contato. Ninguém ligou. Mas a história rendeu um curta metragem que ainda circula pela rede.

O cego!!!

Um adolescente cego estava olhando o jogo com seus amigos, estava brabo pois seu time perdia e resolveu ir deitar. Procurava a escada e não achava. De repente sentiu uma mão em seu ombro, como o ajudou, ele  agradeceu. Ao entrar no quarto, a mão o empurra e ele pergunta quem é. A mão toca a face do garoto e diz “a morte”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s